sábado, 10 de março de 2007

Esperança de mim

Não tenha esperança
essa espera
que cansa
Aliada da saudade
que salga
o sonho doce
de viver

Impera a ânsia
galga, em verdade
alcançar
quem eu fosse

Mas
essa esperança
é uma foice.

5 comentários:

PELADUZ disse...

Olá amigo.

Esperança de mim, esperança da gente.

Abraços

Lena Casas Novas disse...

Onde há fé..Há esperança!Vai sair um selo sim! Mas qual seria a imagem?Caso tenha alguma de sua preferência.Mande-me!
lenacasasnovas@yahoo.com.br

ana maria costa disse...

olá mão!

esperança em ti não tenho.

porque havia de ter?

hihihi

mas gosto de gente sincera!

abraço

Devotas Gozosas disse...

Estamos navegando por aqui tb... E tenha esperança que voltaremos, rs.

Obrigada pela visita!

Bjos Gozosos

diovvani mendonça disse...

Du-Carvalho!!! Tu é doido ou doído? Ví que gosta duns golos, quando vier nas Gerais, venha tomar uma da amarelinha comigo.

AbraçoDasMinas.