quinta-feira, 8 de fevereiro de 2007

Concursos literários

O Guia de Concursos Literários surgiu para informar os escritores sobre as centenas de competições de letras que assolam o país. Já participei de alguns. Obviamente não ganhei nada, sou muito chulo. Contudo observei a qualidade da maioria e decidi nunca mais participar, afinal não quero aparecer em suas antologias. Gostaria da grana mas teria vergonha de ser escolhido com uma redação correta de história lindinha.
Que nojo!
Meus escritores preferidos nunca ganharam concursos, jamais despontaram em listas de mais vendidos, nunca cederam à mídia. Fizeram seus escritos para seu próprio prazer e, ao final, venceram a barreira editorial ao conquistar sua parcela de leitores. Nunca serão unanimidade, graças à estupidez (ao menos aqui ela serviu). Os bons não se importavam com prêmios, mas com a sinceridade, embora muitos até ganharam grandes e "importantes prêmios".
Claro, há concursos sérios. A pergunta é: para que servem? A resposta é simples: para vender!
Tudo é uma questão econômica. Inventam um concurso, fazem mídia, escolhem o vencedor (de preferência com um texto bem abrangente, que não ofenda ninguém) e o vendem como picolé na porta de estádio.
É esta uma boa obra literária? Sei lá. Só sei que nunca li um vencedor de concursos que me agradasse.

Um comentário:

angelo pessoa disse...

Poxa... vou rever meus conceitos (SÉRIO!!!!) depois de ler este post...ganhei - depois de longos 20 anos de tentativa(sou jurássico!)- 40 concursos, mas naum tenho coragem de te mostrar um texto meu!!!klakakakakakaka
Valeu!